10 coisas que amo em você


Na verdade existem diversos motivos que me fazem te amar, mas resolvi listar 10

1 – Amo quando brincamos – acho que este é um fator que conta muito, não somos aqueles tipos de casal com alma de velhos

2 – Amo o tanto que você é divertido e me faz rir, gargalhar e tudo mais

3 – Amo o jeito carinhoso que você me trata

4 –  Amo esse seu bumbum sexy kkk Brincadeira, amo o quão maduro você é as vezes, e me mostra o caminho certo a seguir

5 – Amo a forma a qual você me faz confiar em você, afinal, confiança é a base de qualquer relacionamento

6 – Amo o quanto você me mima, seja fazendo minhas vontades, ou seja simplesmente me enchendo de dengo

7 – Amo esse seu bom humor, que até eu gritando, nervosa, você consegue que tudo seja passageiro

8 – Amo quando você consegue reconhecer seu erro, essa qualidade é pra poucos

9 – Amo o som da sua risada, o jeito que você me olha, o jeito que você me toca, e as vezes até seu ronco quando você dorme é fofo

10 – Amo, amo, amo o quanto você me apoia em meus sonhos, mesmo você as vezes não entendendo o por que meu sonho é aquele, mas sempre ta segurando minha mãos e me apoiando

10313650_778918815474034_5406163477421330068_n

Por: Thaísa Nascimento
Segue no Instagram

Anúncios

Virando gente grande


As vezes paro e penso “Poxa, eu sinceramente não sabia o que era viver”, afinal, minhas maiores preocupações eram entregar trabalhos escolares na data certa, cumprir meu dever como filha, tinha minhas simples obrigações dentro de casa – arrumar meu quarto, lavar uma louça e coisas do tipo – eu não fazia noção do valor do dinheiro, afinal eu nunca precisei custear nada, sempre fui muito dependente do meu pai pra tudo, nunca me preocupei com valor de nada, o único dinheiro que eu ganhava, fazendo um bico ou outro eu nem sei com que gastava, de tão desnecessariamente que eu gastava o dinheiro kk ATÉ, eu passar a ser namorida rs’ ou seja, morar junto.

tumblr_l8xk0ggmbl1qdvd50o1_500_large

Quando se mora junto, passa a acarretar mais responsabilidade, ou seja contas a pagar, a sobrevivência não é mais docinhos , isso serve pra qualquer pessoa que passe a não depender mais dos pais em nenhum aspecto.
Aluguel (pra quem paga – o que eu acho que mais quebra as pernas rsss), água, luz, internet, e compras… As contas básicas, porém falando dessa forma, até parece ser um bicho de 7 cabeças, também não é uma coisa terrível, dá para viver, só que com mais responsabilidades e exige um pouco de consciência nas ações.
Algo que você não vai poder fazer no ínicio é extrapolar em futuras contas que você não poderá arcar, ou coisas que você não tem necessidade no momento, com um equilíbrio todo mês, e quem sabe ajuntando uma quantia, você conseguirá viver de luxo. No começo que é mais um pouco complicado, por que tem que comprar móveis ou até de fato se estabilizar, depois, tudo vai se ajeitando, claro, desde que haja um controle

Quando as contas estão pagas, dá aquele gostinho de “Poxa, tô virando gente grande”.
E por incrível que pareça de certa forma é meio prazeroso ter essas responsabilidades, daí ganha-se amadurecimento, e auto confiança, mesmo você dividindo contas ou não.

Enfim, crescer tem lá suas vantagens.

Por: Thaísa Nascimento
Instagram AQUI