A história dos Pinguins


O motivo de estar postando tal história, é pra vocês conhecerem e entenderem o motivo de no meu relacionamento nos tratarmos e nos chamarmos um ao outro de #Pinguim ou #Pinguinha.
Quando um pinguim encontra o parceiro ideal, eles dançam e cantam ao amor numa grande conquista, então, começam o namoro e eles ficam juntos para sempre! O macho dedica-se integralmente ao filhote, zeloso pela família e aguardando o retorno da fêmea depois de uma longa jornada pela sobrevivência. Vencem a distância, os obstáculos, os perigos, mas sempre retornam para seus ninhos e o casal permanece unido até o fim da vida.

Meus pinguins ♥

Meus pinguins ♥

Eu quero um amor de pinguim
“Um amor que dure a vida toda. Um amor puro e verdadeiro. Um amor que frutifique. Eu quero um amor de pinguim. Um amor de fidelidade e lealdade. Um amor que ultrapasse as tempestades, as intempéries, as distâncias. Um amor que ano após ano retorne para me encontrar no mesmo lugar. Que seja diferente todos os dias e que reforce dia após dia suas convicções. Eu quero um amor de pinguim. Um amor que apesar de toda dificuldade, sempre retorna para o ser amado. Um amor simples e sem grandes pretensões mas que é grandioso apenas por ser amor. Eu quero um amor de pinguim.
Um amor que colabora, que inspira, que encoraja. Um amor que divide, que soma, que jamais subtrai. Um amor que não foge das dificuldades mas que as enfrenta junto ao ser amado. Eu quero um amor de pinguim. Um amor que em dias frios seja capaz de aquecer meus pés que em dias quentes consiga refrescar minha alma que nos dias amenos coloque vida em minha vida. Eu quero um amor de pinguim. Um amor eterno. Um amor imenso. Um amor assim, feito um amor de pinguim…” 
[…]
“Uma grande curiosidade sobre os pinguins é sua fidelidade conjugal: eles costumam passar a vida inteira com o mesmo parceiro. O pinguim quando escolhe sua parceira, só tem relação com ela até seus últimos dias, é fiel, e caso um morra primeiro que o outro, ele não arruma mais ninguém.Todos os anos, a partir do mês de agosto, eles começam a namorar. Esse é o mês em que o sol retorna, e começa o ciclo reprodutivo dos pinguins  Surge o fenômeno da construção dos ninhos, que é muito interessante. Eles têm dezesseis semanas para escolher um lugar e construir um ninho. O ninho é feito com pedrinhas; o problema é que o pinguim carrega uma só pedrinha por vez e, quando começa o namoro, a situação é meio caótica – é uma corrida para construir os ninhos o mais rápido possível. Os pinguins trabalham durante dezesseis semanas, vinte e quatro horas por dia, sem parar um minuto, transportando pedrinhas para fazer o ninho.É um trabalho engraçado porque há vezes em que eles descobrem um monte de pedrinhas e não adianta nada, pois só carregam uma de cada vez. Quando alguns casais mais afoitos, mais apaixonados, descobrem muitas pedrinhas em algum lugar, saem os dois juntos para pegá-las de duas em duas; o problema é que, neste caso, ninguém fica cuidando do ninho e, ao retornarem, outros pinguins já roubaram tudo.”

Obrigada por partilhar sua idéia

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s